top of page
Buscar
  • Foto do escritorTeresa Gomes

Descobre como o vinho pode aumentar a tua felicidade

O vinho é apreciado por pessoas de todo o mundo pelo seu sabor e aroma únicos. Recentemente, os cientistas têm investigado a relação entre o vinho e a felicidade e descobriram que as pessoas que bebem vinho geralmente são mais felizes do que aquelas que não o bebem.

 




Com a sua rica tradição cultural e histórica, o vinho tem desempenhado um papel significativo na promoção da felicidade e na criação de momentos memoráveis ao longo dos séculos. Além de ser apreciado pelo seu aroma e sabor únicos, o vinho tem o poder de nos aproximar de amigos e familiares, proporcionando um ambiente propício para a celebração, socialização e conexão humana.


Neste Dia Internacional da Felicidade (20 de Março), vamos aproveitar a oportunidade para conhecer as últimas revelações da relação entre consumo de vinho e saúde.

 

Já pensaste que ao beber vinho podes realmente estar a trazer benefícios para a tua saúde?

Há muitas opiniões conflituantes sobre isso, mas a moderação parece ser a chave para desbloquear os benefícios surpreendentes do vinho.


 

O vinho pode fazer-me feliz?

Se te sentes melhor quando tomas um copo de vinho, acontece que há uma reação química ocorrendo no teu cérebro. Pois o álcool estimula a libertação de vários neurotransmissores, incluindo serotonina e dopamina.


Essas substâncias químicas naturais do cérebro produzem sensações agradáveis como euforia, recompensa e bem-estar. A boa notícia é que, mesmo bebendo moderadamente, sentirás sempre a libertação química de cada vez que beberes um copo.


No entanto, se beberes demais (ou estiveres sob medicamentos especiais), pode esgotar os teus níveis de dopamina e serotonina, o que pode levar à depressão. Então, mais uma vez, o importante é praticar a moderação.



Quanto podes beber?

A boa notícia é que podes beber regularmente, contudo sempre sem exageros. Se tens por hábito beber diariamente à refeição, procura apenas pelo menos, um dia por semana não o fazeres. E bebe sempre água, muita água.


Refiro também que para a felicidade do teu estado de espírito, não importa muito se preferes e bebes vinhos tinto, branco ou rosé. Embora para a saúde do corpo, o tinto seja o recomendado.



O que é consumo moderado?
Mulheres: 1 unidade por dia
Homens: 2 unidades por dia
Considera como unidade, um copo com 100ml de vinho.


Como saber se bebes moderadamente?

Não respondas já! Antes presta atenção e regista os teus hábitos de consumo durante 20 dias. O que bebeste, a quantidade e qual foi a ocasião.

Se o resultado excede a informação em cima, podes criar hábitos que não sejam a abstenção imediata. Por exemplo, uma das maneiras mais fáceis de reduzir o consumo é em casa passares a servir-te de meio copo (cerca de 50-60 ml), ou no restaurante, onde ainda muitas vezes enchem o copo até cima, pedires para que não o façam.


 

As provas de vinho estimulam o cérebro mais do que uma equação matemática!

Segundo a ciência, os principais neurotransmissores que afetam a nossa felicidade são a dopamina, a serotonina, as endorfinas e a oxitocina. Sabias que podias desencadear intencionalmente estes neurotransmissores? O vinho pode realmente desempenhar um papel na nossa felicidade também.


Criei uma lista de várias actividades relacionadas com o vinho que podem aumentar as hormonas da felicidade.

 

A serotonina afeta o humor, memória, sono, temperatura corporal e apetite.

 

Existe uma correlação entre os níveis elevados de serotonina no cérebro e o maior consumo de vinho. É bem conhecido que a serotonina, um neurotransmissor, promove a felicidade e o bem-estar. Isto leva também a que as pessoas se tornem mais sociáveis, afáveis e abertas à conversa.

A dopamina está relacionada com o prazer e a alegria e ajuda a agir em direção a objetivos, desejos e necessidades.

  • Aumenta a tua motivação combinando o teu vinho favorito com o teu prato de eleição ao jantar depois de um dia de trabalho

  • Compromete-te com uma meta, pessoal ou profissional, a 10 dias e compra uma garrafa de vinho que só irás abrir quando a atingires.

 

A oxitocina é uma hormona libertada pelas mães durante o parto e a amamentação, e por mulheres e homens durante o orgasmo. Ajuda a construir relações fortes e saudáveis. Quando recebemos um presente ou damos um abraço a alguém, os nossos níveis de oxitocina podem aumentar.

  • Bebe um copo de vinho enquanto fazes festas ao teu animal de estimação.

  • Aceita o convite para aquele encontro romântico e reserva uma mesa num bar de vinhos.

As endorfinas são libertadas em resposta à dor e ao stress e ajudam a aliviar a ansiedade e a depressão. Semelhantes à morfina, atuam como sedativos e analgésicos, diminuindo a nossa perceção da dor.

  • Relaxa após um dia desafiante bebendo um copo de vinho

  • Organiza uma prova de vinho na tua casa com amigos

  • Bebe vinho enquanto assistes a um filme de comédia

 


O vinho oferece muitos benefícios para a saúde, incluindo melhor saúde do coração, menor risco de cancro e logo, maior expectativa de vida.

O vinho tinto é rico em antioxidantes. Estes ajudam a combater o cancro e outras doenças. O resveratrol, um polifenol encontrado no vinho tinto, ajuda a manter a saúde dos vasos sanguíneos, reduzindo assim o risco de doenças cardíacas. Também ajuda a diminuir o colesterol e a evitar a formação de coágulos sanguíneos nas artérias.

Os mesmos antioxidantes podem ajudar a aliviar a depressão. Eles protegem as células contra danos, o que também pode ajudar na função cognitiva.

 


Para garantir que desfrutas do vinho de forma responsável e segura, aqui estão outras recomendações importantes:

  1. Procura beber a dose recomendada para tirares todos os benefícios do consumo de vinho: dois copos se és mulher; ou três copos se és homem. Nunca mais que quatro copos por dia. 

  2. Bebe água: durante a refeição mantém-te hidratado. Uma regra fácil de memorizar é por cada copo de vinho, bebe outro de água. Irá reduzir os efeitos do álcool no teu corpo e cabeça no dia seguinte.

  3. Atenção se vais conduzir! Relembra a importância de evitar conduzir após consumir bebidas alcoólicas.



Ao seguires estas recomendações, poderás desfrutar mais e melhor do vinho e de tudo o que ele tem para te dar. Vamos celebrar o Dia Internacional da Felicidade com moderação e cuidado, aproveitando os momentos de alegria e conexão que o vinho nos proporciona!



Espero que esta breve exploração sobre o vinho e saúde tenha sido interessante, embora com alguma fonte científica, quer-se sobretudo divertida e inspiracional.



Com aumento de nível de felicidade comprovado, são os cursos de vinhos que realizo no The Wine Flat Lisbon e também indo ao domicílio. Aventura-te pelos vinhos Portugueses, desde a técnica de prova e harmonização até recomendações de selecção e armazenamento. Envia-me agora um email para somm@teresagomes.com dizendo quantas pessoas são.

Comments


icon_Teresa7.png
bottom of page